Matinal assinantes

Foto: Jessica Barbosa/Divulgação

28

NOV

02

DEZ
HORÁRIOS Qua a dom às 20h

A peça "Bailei na Curva" completa 35 anos

O clássico absoluto do teatro gaúcho realiza temporada comemorativa nos dias 28, 29, 30 de novembro e 1º e 2 de dezembro, às 20h, no Centro Histórico Cultural Santa Casa

VER GALERIA

Clássico absoluto do teatro gaúcho, Bailei na Curva comemora 35 anos em temporada comemorativa, nos dias 28, 29, 30 de novembro e 1º e 2 de dezembro, às 20h, no Centro Histórico Cultural Santa Casa. Os ingressos devem ser adquiridos online, na Pâtissier (Rua Marquês do Pombal, 128 – Moinhos de Vento) e na bilheteria do local, uma hora antes da sessão.

Com direção de Julio Conte, o elenco é composto por Ana Paula Schneider, Eduardo Mendonça, Gisela Sparremberger, Guilherme Barcelos, Laura Leão, Leonardo Barison, Manoela Wunderlich e Saulo Aquino.

Bailei na Curva mostra a trajetória de sete crianças, vizinhas na mesma rua em abril de 1964. Como pano de fundo, impõe-se uma forte realidade. Um golpe militar num país democrático da América Latina.

A peça desenha, ao mesmo tempo, um quadro divertido e implacável da realidade. Divertido sob o ponto de vista da pureza e ingenuidade das personagens que, durante sua trajetória, enfrentam as transformações do final da infância, adolescência e juventude; e implacável graças às conseqüências de um golpe militar que vai refletir na vida adulta desses personagens.

Durante o desenvolvimento da história, vai se desenhando um painel dos usos, costumes e pensamentos da sociedade brasileira na segunda metade do século 20. As brincadeiras de colégio, as aulas de educação sexual, as matinês no cinema, as reuniões dançantes nas garagens, os namoros no carro – uma juventude que opta pela guerrilha e clandestinidade em contraste à outra juventude que abraça as drogas e cai na estrada e, finalmente, adultos que optam pelas conquistas individuais na negação do passado em contraste com aqueles que lutam para resgatar as memórias dos anos de chumbo.

Uma geração que encontra sua maturidade nos movimentos da anistia e da abertura política e que encerra todas as suas esperanças na eleição de Tancredo Neves para presidente da República.

Qua a dom às 20h

Centro Histórico-Cultural Santa Casa (Avenida Independência, 75)

R$ 60 (50% para estudantes, classe artística, professores, +60, portadores de deficiência com acompanhante, funcionários da Santa Casa e alunos e ex alunos da Comica Cultural)

Mais Informações