Foto: Divulgação

01

JUL
HORÁRIOS Domingo a partir das 11h

Parada de Luta LGBTI 2018

Com mais de 50 atrações, evento será realizado neste domingo (1º/7), a partir das 11h, no Parque da Redenção

A edição 2018 da Parada de Luta LGBTI de Porto Alegre será realizada neste domingo (1º/7), a partir das 11h, no Parque da Redenção. A manifestação pública, que já ocorre há 11 anos na capital gaúcha, é um projeto que une a cultura da diversidade sexual, prestigiando artistas locais, shows das drags e perfomances de transformistas junto à luta por direitos e reivindicações sociais, como a criminalização da LGBTfobia, leis de combate ao preconceito e a discriminação aos indivíduos LGBTI, o respeito ao registro civil de alteração do nome para pessoas trans além de reforçar a importância e o poder do voto LGBTI neste ano eleitoral.

O tema da parada deste ano, visando o fortalecimento da comunidade LGBTI+ será unificado com o da Parada de São Paulo e demais paradas do Brasil, no intuito do empoderamento do voto: Poder para LGBTI+, Nosso Voto, Nossa Voz. A apresentação continua a cargo do ativista Roberto do Desobedeça e Gloria Crystal, que a partir deste ano ingressa no comando oficial de apresentação, em virtude do falecimento de Sylvinha Brasil, que nos deixou em maio passado e apresentou a Parada de Luta desde 2007 ao lado de Roberto.

Além da dupla de apresentadores oficiais, a artista Sylvetty Montilla, conhecidíssma no circuito nacional, radicada em São Paulo estará presente, prestigiando a manifestação. Outra atração de destaque deste ano é dupla de drags-cantoras que tem se firmado no centro do país: Armário de Saia. Também estão no palco da Parada de luta artistas como Os Ellers, Super Girls  Lacre Drags, MC Lary e tantos outros que totalizam mais de 50 atrações ligadas ao meio LGBTI e sem cachê, somam-se ao coletivo de voluntários na construção desse evento de luta que busca prioritariamente a conquista por direitos e respeito.

A Prefeitura de Porto Alegre, bem como o Governo do Estado, por meio de suas Coordenadorias da Diversidade Sexual, têm apoiado o evento na logística operacional devido ao reconhecimento de que a Parada de Luta é hoje uma das maiores Paradas do Brasil e a maior do Sul do país.

Domingo a partir das 11h

Parque da Redenção (Avenida João Pessoa, 791)

Entrada franca

Mais Informações