Cine Iberê com trilha sonora ao vivo

Fundação Iberê Camargo exibe "Um Homem com uma Câmera", enquanto os músicos Vagner Cunha e Ernesto Fagundes executam a trilha sonora ao vivo

Neste domingo (24/6), às 16h, o Cine Iberê apresenta uma sessão especial de cinema mudo com música ao vivo com o compositor e multi-instrumentista Vagner Cunha e o compositor, percussionista e cantor Ernesto Fagundes. Filme ícone do cinema documental e experimental, Um Homem com uma Câmera, do cineasta russo Dziga Vertov, dialoga com as exposições em cartaz na Fundação Iberê CamargoModerna para Sempre e As Durações do Rastro – por sua influência do futurismo e do construtivismo, aproximando-se da arquitetura.

A sessão única e gratuita integra o programa Silêncio em Movimento – Cinema Mudo com Música ao Vivo, e tem curadoria de Marta Biavaschi.

Um Homem com uma Câmera revela o cotidiano da vida urbana de Odessa e de outras cidades da antiga União Soviética, mostrando a indústria, o trabalho e as formas de lazer da população soviética dos anos 20. O documentário também é marcado pela experimentação cinematográfica que Diziga Vertov chamava de cine-olho, afirmando-se como um filme-tese sobre o próprio fazer cinematográfico. Foi realizado com diferentes procedimentos cinematográficos, como alteração de velocidade da câmera, stills, telas divididas, entre outros.

A trilha executada foi composta pelo maestro e multi-instrumentista Vagner Cunha especialmente para o filme.

Domingo 16h

Fundação Iberê Camargo (Avenida Padre Cacique, 2000)

Entrada franca