Matinal assinantes

E o Otto Guerra vai para... o Oscar!

Cineasta e animador brasileiro é um dos 819 convidados de 68 países a integrar a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood a partir deste ano

Otto Guerra agora vota no Oscar. O cineasta é um dos 819 novos integrantes da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, segundo anúncio divulgado na noite desta terça-feira (30/6).

O comunicado oficial começa assim: "A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas está estendendo convites para se juntar à organização a 819 artistas e executivos que se destacaram por suas contribuições aos filmes. A classe de 2020 é feita 45% de mulheres, 36% de comunidades étnicas / raciais sub-representadas e 49% internacional de 68 países. Existem 75 indicados ao Oscar, incluindo 15 vencedores e cinco ganhadores de prêmios científicos e técnicos. Aqueles que aceitarem os convites serão as únicas adições à associação à Academia em 2020".

David Rubin, presidente da Academia, saudou os novos integrantes: "A Academia tem o prazer de receber esses ilustres companheiros de viagem nas artes e nas ciências cinematográficas. Sempre adotamos talentos extraordinários que refletem a rica variedade de nossa comunidade cinematográfica global, e agora mais do que nunca”.

Diretor de animações premiadas como Rocky & Hudson (1994), Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock'n'Roll (2006), Até que a Sbórnia nos Separe (2013) e A Cidade dos Piratas (2018), Otto Guerra dividiu com a gente sua faceirice com o convite oscarizado:

– Não sei quais os critérios, mas a animação do Brasil virou baita potência mundial. É a periferia chegando lá. Neste ano, os caras diversificaram, minha velha sorte. Hehehehehe.

Parabéns, Otto!

 

Leia o anúncio oficial da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas aqui.

Confira a Receita Caseira que Otto Guerra gravou pra gente: