Matinal assinantes

Foto: Comunicação Abramus/Divulgação

Campanha Artística Humanitária da Associação Brasileira de Música e Artes

A ação vai angariar doações que serão convertidas em cestas básicas, destinadas a quatro ONGS da área cultural

VER GALERIA

Sintonizada com a crise que a pandemia da Covid-19 provocou no mercado da música e da cultura, a Abramus decidiu criar a Campanha Artística Humanitária. O foco é promover ações para angariar doações que serão convertidas em cestas básicas, destinadas a quatro ONGS: Backstage Invisível, Backtsage Solidário, Faça o Show Continuar e Salve a Graxa.

As ONGS beneficiadas pelos projetos abrangem uma série de profissionais que integram a cadeia cultural, como técnicos de som, roadies, iluminadores, bilheteiros, carregadores, seguranças e músicos, entre outras funções, que estão impossibilitados de trabalhar durante esse período de isolamento social.

A arrecadação se dará de duas maneiras: através de um leilão virtual com itens doados por artistas associados e também de doações diretas, em espécie e de qualquer valor ao projeto. As doações já podem ser feitas através do link https://d.brbid.com/abramus. O leilão também poderá ser visualizado através do mesmo link, que estará aberto para lances a partir do dia 15 de maio.

Artistas como Roberto Menescal, Vitor Kley, Fernando & Sorocaba, Jorge & Mateus, Jorge Vercillo, Paulo Ricardo, Solange Almeida e Anderson Freire são alguns dos 24 associados da Abramus que abraçaram a Campanha Artística Humanitária, doando  instrumentos e itens pessoais de suas coleções para serem leiloados. Os produtos poderão ser arrematados até o dia 15 de junho.

A Abramus é a curadora da inciativa, mas toda a verba arrecadada será integralmente destinada à Campanha. Não haverá distribuição de dinheiro, apenas cestas básicas para as famílias contempladas. A expectativa é que 10 mil famílias recebam as cestas, totalizando 150 toneladas de alimentos.