Matinal assinantes

Foto: Juliano Barreto/Divulgação

Musical sobre Nega Lu seleciona artistas trans

"Brilhante" vem sendo produzido de forma independente pelo diretor Daniel Colin e o cantor e produtor Juliano Barreto, com previsão de estreia ainda em 2020

VER GALERIA

Espetáculo musical sobre a vida da Nega Lu, ícone underground de Porto Alegre até o inicio dos anos 2000, está com seleção aberta especialmente para artistas trans ou não-bináries que tenham interesse em integrar o elenco do trabalho.
 
Brilhante vem sendo elaborado e produzido de forma independente pelo diretor Daniel Colin e pelo cantor e produtor musical Juliano Barreto desde ano passado e tem previsão de estreia ainda para 2020. O desejo dos idealizadores é criar uma encenação que conte a história da Nega Lu fazendo um paralelo com os dias atuais, considerando-se que ela foi uma das pioneiras do que poderíamos chamar de movimentação queer numa Porto Alegre de 40 anos atrás. Nega Lu certamente pode servir como uma alegoria potente e questionadora de uma sociedade que ainda precisa aprender a conviver com respeito às diferenças (sexuais, de classe, de gênero, étnicas, raciais, religiosas ou quaisquer outras).
 
A seleção de artistas trans ou não-bináries será dividida em dois momentos: primeiramente de caráter coletivo, em que todes participarão de uma aula que envolverá canto, dança e atuação, com integrantes da equipe de Brilhante; já em um segundo momento, cada pessoa inscrita será avaliada individualmente. Ambos momentos da seleção acontece no sábado (28/3), das 9h às 13h, no teatro Bruno Kiefer, da CCMQ.
 
As inscrições devem ser feitas pelo email musicalnegalu@gmail.com, enviando uma breve apresentação e o porquê a pessoa interessada gostaria de participar do espetáculo.