Matinal assinantes

Foto: Rodrigo Marroni/Divulgação

11

DEZ
HORÁRIOS Quarta 18h30min

Marcelo Delacroix é o tema do Sarau Voador

Com o tema "Depois do Raio", o sarau acontece nesta quarta-feira (11/12), às 18h30min, no Foyer do Theatro São Pedro

Nesta quarta (11/12), às 18h30min, o Foyer do Theatro São Pedro será palco de mais uma edição Sarau Voador – Literatura e Improvisos Transcriados. Com o tema Depois do Raio, Deborah Finocchiaro e Roger Lerina recebem o músico e professor Marcelo Delacroix; a atriz, professora, dramaturga e produtora cultural Vika Schabbach e a atriz, diretora, escritora e produtora cultural Raquel Grabauska. O artista visual Alexandre Carvalho fará pintura ao vivo durante o evento. O ingresso é uma contribuição espontânea.

Depois do Raio (2006) é o segundo disco da carreira de Delacroix. A música que dá nome ao álbum é um poema de Arnaldo Antunes que fala das sensações que ficam. Para a atriz e diretora Deborah, nunca esses versos foram tão urgentes e necessários para seguirmos adiante:

– Eles falam sobre a questão de que tudo passa, de que mesmo depois do furacão, do caos, a gente sobrevive. A arte nos traz alento e nos faz resistir. É isso que nos anima a continuar.

Já o homenageado da noite cita o texto clássico chinês I Ching para definir o eco de Depois do Raio, lembrando que interpretações como esta do hexagrama 51, o Trovão, contêm lições valiosas para o nosso tempo: “Os raios que precedem as trovoadas sacodem o ambiente violentamente e provocam reações em cadeia, inesperadas. Mas nem por isso se deve ceder a estes abalos, ficando desarvorado”.

Versátil e itinerante, o Sarau Voador reúne diferentes manifestações artísticas em um encontro marcado pela liberdade criativa, pelo compartilhamento e pela transposição de linguagens. Contando sempre com convidados, o evento compartilha com o público os diversos olhares e leituras sobre um determinado tema, obra ou criador. Uma construção conjunta e participativa entre anfitriões, convidados e plateia, como no lema do sarau: “Junta todo mundo que é pro mundo melhorar”.

Quarta 18h30min

Theatro São Pedro (Praça Mal. Deodoro, s/nº – Centro Histórico)

Contribuição espontânea