Capa. Foto: Divulgação

16

NOV
HORÁRIOS Sábado 16h30min

Adriano Zerbiell lança livro na Feira do Livro de Porto Alegre

Nesta sábado (16/11), às 16h30min, Adriano realiza sessão de autógrafos do seu primeiro livro individual, "O Clube da Morte"

Neste sábado (16/11), às 16h30min, Adriano Zerbielli lançará o seu primeiro livro individual, O Clube da Morte, na Feira do Livro de Porto Alegre.

O livro traz um questionamento para o leitor refletir: Será que temos o direito de decidir quando vamos morrer? Existe alguma justificativa para que alguém defina quando isso deva acontecer? Uns, sob certas circunstâncias, dirão que sim. Já outros defenderão a vida humana, mesmo que muito fragilizada, a qualquer preço.

A problemática do livro gira em torno do posicionamento dos personagens da trama frente a um inusitado pedido feito por um deles: interromper a sua trajetória final de
vida que, a partir de um certo ponto, seria marcada por dor, vergonha e sofrimento devido à descoberta de uma grave doença. A história é narrada, em 1ª pessoa, pelo
personagem Augusto que, anos antes, faz esse mesmo apelo aos seus amigos mediante a tomada de conhecimento do triste desfecho de vida que teve um senhor que conheciam. Na época, tal proposta, não foi levada a sério. No entanto, alguns anos depois, um novo encontro é marcado para ser pedido que aquela ideia fosse colocada
em prática. E, a partir daí, o que fazer?

Adriano Zerbielli é pesquisador ligado ao Núcleo Porto Alegre do Observatório das Metrópoles atuando no projeto financiado pelo CNPq "Direito à cidade, mercantilização, financeirização e transformações no regime urbano: o caso da metrópole de Porto Alegre". Possui graduação em Administração de Empresas pela Faculdade SENAC - RS. Ingressou na Universidade Federal do Rio Grande do Sul em 2012 no curso de História. Já no ano de 2014 ingressou no Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais da UFRGS para fazer o curso de Especialização em Estratégia e Relações Internacionais.

Sábado 16h30min

Praça de Autógrafos da 65ª Feira do Livro (Praça da Alfândega, s/n)

Entrada franca