Ospa realiza concerto gratuito na Cidade Baixa

A orquestra apresenta-se neste domingo (10/11), às 19h, no Santuário Santo Antônio do Pão dos Pobres, com regência de Manfredo Schmiedt

O Santuário Santo Antônio do Pão dos Pobres, na Cidade Baixa, é o próximo destino da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) pela Série Igrejas 2019. A apresentação acontece neste domingo (10/11), às 19h. A entrada é franca.

Com o intuito de levar música a diferentes templos religiosos de Porto Alegre e da Região Metropolitana gratuitamente, o concerto contempla um diversificado repertório da música clássica, incluindo obras de Georges Bizet, Giacomo Puccini e Claude-Michel Schönberg. A apresentação tem regência de Manfredo Schmiedt, diretor artístico da Orquestra Sinfônica da Universidade de Caxias do Sul (Osucs) e maestro do Coro Sinfônico da Ospa.

Os solos são executados pelo contrabaixo de Vinicius Frate Paranhos e pelos vocais operísticos de Elisa Machado. O concerto conta ainda a participação do Coro Sinfônico da Ospa.

O concerto inicia com a abertura da ópera Fosca, de Antônio Carlos Gomes (1936 – 1896), o maior compositor operístico brasileiro. Considerada a sua melhor peça, estreou em Milão no século 19 e reflete a originalidade e inspiração para músicos europeus.

Na sequência, a orquestra apresenta Nino Rota, reconhecido pelas trilhas cinematográficas, como O Poderoso Chefão. É também autor de diversas obras para concerto, entre elas Divertimento Concertante para Contrabaixo e Orquestra, composta em homenagem e com a colaboração do contrabaixista italiano Franco Petracchi.

A Ospa executa a ária Chi Il Bel Sogno di Doretta, da ópera La Rondine, de Giacomo Puccini (1858 – 1924). A peça reflete a personalidade criativa de Puccini ao aliar valsa, tons hamônicos e vasta melodia, sendo considerada sua obra mais romântica.

Uma das composições sagradas mais populares de Felix Mendelssohn-Bartholdy (1809 – 1847) também é apresentada. O hino Hör Mein Bitten, aclamado na era vitoriana, é dividido em quatro com diversas alternâncias entre voz solo e um coro na partitura, que lembram o hino tradicional dos versos em inglês.

A melodia de Giacomo Puccini (1858 – 1924) retorna ao palco com Valsa da Musetta, da ópera La Bohème, que retrata o romance trágico, baseado na boemia. Sucesso desde a estreia, é uma das óperas mais reivisitadas de todos os tempos.

A noite segue com Les Voici! Voici la Quadrille!, da ópera Carmen, de Georges Bizet (1838 – 1875), obra inspirada em uma novela homônima do século 19. Para encerrar o concerto, os músicos interpretam um medley da adaptação musical realizada por Claude-Michel Schönberg (1944 – 1988) de Os Miseráveis. O livro escrito por Victor Hugo há mais de 150 anos retrata a pobreza e o desamparado nas contradições de classe. 

Dom 19h

Santuário Santo Antônio do Pão dos Pobres (Rua da República, 338, Porto Alegre)

Entrada franca