Sincretismo, exorcismos e uma guerra entre anjos e demônios em nova série de terror

"Liberto" estreia no dia 31 de outubro, às 20h30min, no canal de TV por assinatura Prime Box Brazil

Há uma guerra entre anjos e demônios para capturar uma criança que está por nascer, e que pode se tornar ou o Novo Messias ou o Anticristo. O que ninguém sabe é
onde e quando exatamente este infante predestinado nascerá.

Essa é a temática da nova série de terror na TV por assinatura intitulada Liberto. Dirigida pelos cineastas Gustavo Fogaça e Paola Troian, com produção da Santa Transmedia, a obra de ficção estreia no Dia das Bruxas, 31 de outubro, às 20h30min, no canal Prime Box Brazil.

Júlio (Emilio Farias), um jovem médico, percebe que Carmem (Áurea Baptista), sua mãe, está com distúrbios e a leva para uma batelada de exames clínicos. Após os resultados, ela decide que a única solução para seu problema é uma sessão do descarrego em sua igreja evangélica. Conduzida pelo Pastor Manfredinho (Eduardo Mendonça), Carmem causa um violento incidente na sessão, o que mostra a Júlio que eles precisam de uma ajuda profissional mais capacitada.

Padre Nonato (Luis Franke), exorcista renomado e ex-Vaticano, volta a Porto Alegre para "pendurar a batina", e Júlio o procura para ajudar a Carmem. Padre Nonato a examina e decide ajudar, sem seguir os procedimentos legais de Roma em casos de possessão como o dela.

Enquanto isso, uma organização satanista internacional liderada por um pai e duas filhas – William (Carlos Busato), Katrya (Camila Galarza) e Margot (Renata de Lélis) –recebe o aviso de que a Criança Sagrada nasceu, e sua busca é fundamental, antes que a Igreja Católica consiga cooptar ao infante. Uriel, um anjo encarnado, lidera a membros da Igreja na mesma busca.

A luta de Nonato e Júlio para salvar a Carmem de sua possessão os coloca no meio dessa guerra entre anjos e demônios pela busca da criança que poderá se tornar ou o Novo Messias ou o Anticristo. E caberá a eles torná-la liberta desses destinos.

Liberto foi filmada em Porto Alegre. Entre os locais de gravação estão a Igreja Luterana de Teresópolis e o Hospital Parque Belém, importante local para a cidade durante as décadas de 1940 e 1950. Entre as principais inspirações da obra estão o filme O Exorcista, de 1973, dirigido por William Friedkin, longas-metragens de suspense do diretor britânico Alfred Hitchcock e a obra cinematográfica de terror do diretor James Wan. Outra influência é própria Bíblia Sagrada, que deu origem a diversos filmes e séries sobre o gênero.

– Os anos 1970 e 1980 foram épocas especiais para o terror. Ao combinar essa atmosfera com lendas e princípios religiosos que temos no país, conseguimos estabelecer uma grande homenagem e incluir uma identidade brasileira em nosso trabalho – defende Fogaça.

 

Confira o trailer de Liberto: