43ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo anuncia selecionados

O evento acontece de 17 a 30 de outubro de 2019 e vai exibir 326 títulos

43ª edição da tradicional Mostra Internacional de Cinema fortalece o olhar para o cinema brasileiro. Apesar de os filmes de abertura e encerramento do evento que ocorre em São Paulo de 17 a 30 de outubro não serem nacionais, o primeiro é produzido por Rodrigo Teixeira e baseado no livro Os Últimos Soldados da Guerra Fria, de Fernando Morais, e o segundo é dirigido por Fernando Meirelles.

Wasp Network, novo filme do cineasta francês Olivier Assayas, abre o evento no dia 16 em sessão para convidados no Auditório Ibirapuera. O longa foi exibido no
Festival de Veneza e tem no elenco Edgar Ramírez, Leonardo Sbaraglia e Wagner Moura – que participam da Mostra, assim como o diretor.

Dois Papas, novo longa de Fernando Meirelles, protagonizado por Jonathan Pryce e Anthony Hopkins, encerra o evento no dia 30. O título, que retrata dois pontífices discutindo os rumos da Igreja Católica, integrou a seleção oficial do Festival de Toronto, de Telluride e de outros festivais estrangeiros

Outros títulos que levaram o nome do país para o Exterior em festivais estrangeiros também fazem parte da programação, como quatro longas que serão exibidos no Theatro MunicipalA Vida InvisívelAbeBabenco Alguém Tem que Ouvir o Coração e Dizer: Parou e Três Verões.

Neste ano, a Mostra exibe cerca de 300 títulos de variados países e estilos em mais de 27 locais, entre cinemas, espaços culturais, CEUS e museus espalhados pela capital paulista, incluindo exibições gratuitas e ao ar livre. Os filmes selecionados para a edição estão divididos entre as seções Retrospectiva, Homenagens, Apresentações Especiais, Realidade Virtual, Competição Novos Diretores, Mostra Brasil e Perspectiva Internacional.

Confira a lista completa das obras selecionadas aqui.