Matinal assinantes

Cena do filme "As Boas Maneiras". Foto: Divulgação

Divulgados os indicados ao 24º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro

“As Boas Maneiras” é o campeão de indicações dessa premiação da crítica de cinema nacional

VER GALERIA

A coordenação do Prêmio Guarani, liderada desde sua primeira edição pelo portal Papo de Cinema, revelou os indicados dessa premiação da crítica nacional. Neste ano, cerca de 50 críticos ligados às principais associações brasileiras, além de professores, jornalistas e pesquisadores votaram na primeira fase, durante a qual foram definidos os finalistas em cada uma das suas 24 categorias.

Neste primeiro momento, na indicação dos melhores de 2018, o recordista foi o filme As Boas Maneiras, de Juliana Rojas e Marco Dutra, com o total de 13 indicações. Na segunda fase, que irá revelar os grandes vencedores do 24º Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro, mais de cem profissionais da área de diversas regiões do Brasil já confirmaram presença.

Nada menos do que 50 filmes – entre longas e curtas, nacionais e estrangeiros, de ficção, documentário e animação – foram lembrados com ao menos uma indicação na atual edição. Além do campeão de indicações, diversas produções tiveram destaque, como o suspense O Animal Cordial, de Gabriela Amaral Almeida, com 11 indicações.

Os dramas familiares O Beijo no Asfalto, de Murilo Benício, e Benzinho, de Gustavo Pizzi, ficaram empatados com 9 indicações, enquanto que o drama social Arábia, de Affonso Uchoa e João Dumans, aparece em sete categorias. Estes cinco são também os finalistas a Melhor Filme do Ano e são os mesmos que disputam, também, a categoria de Melhor Direção.

Neste ano, algumas novidades foram adicionadas ao Prêmio Guarani de Cinema Brasileiro. A categoria de curta-metragem, que foi incluída pela primeira vez em 2017, desta vez foi dividida em duas: Documentário em Curta e Ficção em Curta.

Já as produções animadas no formato disputarão em pé de igualdade com os longas na unificada Melhor Animação. Outra divisão se fez na categoria de Revelação, agora separada em Masculina e Feminina.

Em Filme Estrangeiro, dois fatos inéditos: é a primeira vez que quatro dos cinco finalistas concorreram também ao Oscar de Melhor Filme, e três dos cinco indicados têm como língua majoritária o inglês. Entre os longas brasileiros, outro recorde: 31 produções foram lembradas.

Confira aqui a lista completa com todos os indicados.