Matinal assinantes

Foto: Divulgação

07

JUL

29

SET
HORÁRIOS Ter a sab das 10h às 19h
Dom e feriado das 10h às 17h

Farol Santander inaugura exposição sobre José Saramago

A exposição "Saramago – Os Pontos e a Vista", com curadoria de Marcello Dantas, será aberta neste domingo (7/7), a partir das 10h

VER GALERIA

Farol Santander, novo centro de empreendedorismo, cultura e lazer em Porto Alegre, recebe, de 7 de julho a 29 de setembro, a exposição Saramago – Os Pontos e a Vista, apresentada pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei Rouanet e com curadoria de Marcello Dantas.

A mostra traduz o universo da literatura para uma experiência expositiva singular em primeira pessoa, sobre um dos escritores contemporâneos mais aclamados e influentes no mundo. São momentos preciosos e inesquecíveis de um extenso acervo de imagens e depoimentos captados por Miguel Gonçalves Mendes para o filme José e Pilar, captados durante cinco anos em que conviveu de perto com o autor.

Com uma expografia que aproxima o público do escritor, a mostra apresenta as reflexões profundas de Saramago sobre as condições humanas e as relações de poder, temas que permeiam sua criação literária.

– Sua trajetória errante e inquieta, desde o nascimento em Azinhaga até a morte em Lanzarote, é o objeto desta exposição. O que nos interessa é o cidadão, o observador, o amante, o solidário, o seu humor. José tinha uma dimensão desproporcional: uma vida em que sua estatura, seja física, intelectual ou cívica, sempre contrastou com os ambientes em que esteve – afirma Marcello Dantas, curador da exposição.

A obra de José Saramago é, sem dúvida, um dos maiores legados da literatura contemporânea. Mas a motivação da mostra é também revelar o homem que ele foi, por meio de episódios memoráveis da sua vida, e mostrar suas principais características: a capacidade de aprender, de observar, de reinventar-se, de amar e de, incansavelmente, deslocar-se – seja em nome de uma causa, seja para defender um novo ponto de vista.

Saramago foi um homem sensível, carinhoso e humano. Antes de se tornar escritor, exerceu diversas atividades que o permitiram experimentar a vida a partir de diferentes observações. Esse acúmulo de perspectivas o ajudou a formar seu modo único de enxergar o mundo. Nascido em 1922, seu primeiro livro foi escrito aos 58 anos. Já aos 65 encontrou Pilar Del Río, o grande amor de sua vida. O prêmio Nobel, o primeiro da história em língua portuguesa, veio aos 76 anos. Saramago faleceu, em 2010, aos 87 anos.

A mostra, com mil metros quadrados de área expositiva é composta e estruturada por 15 vídeos e um projeto expográfico que se desenvolve de forma modular, com uma pequena ambientação para cada vídeo. Cada módulo é composto de um objeto cênico, uma vídeo-projeção e um pequeno texto explicativo, que costuram um panorama das diferentes dimensões do autor.

Em alguns módulos a projeção ocorre sobre o objeto, em outros, sobre um painel ou parede. A estrutura está conectada entre si, por meio de um piso ilustrado que guia o visitante pela mostra. Não há uma narrativa pré-estabelecida e cada vídeo ou módulo, se encerra em si mesmo, o que permite aos visitantes percursos variáveis pelos fragmentos dessa narrativa poética.

Além dos espaços modulares, uma cronobiografia de José Saramago contextualiza os acontecimentos de sua vida com relação à sua produção literária, sendo composta por textos, fotos, livros e vídeos referenciais.

Ter a sab das 10h às 19h, Dom e feriado das 10h às 17h

Farol Santander (Rua Sete de Setembro, 1028)

R$ 10 (cliente Santander tem 10% de desconto)