Matinal assinantes

Foto: Amanda Gatti/Divulgação

28

JUN

30

JUN
HORÁRIOS Sex sab e dom às 20h

Espetáculo de teatro físico estreia no Teatro Bruno Kiefer

A montagem solo “O Paradoxo da Queda” estreia nesta sexta-feira (28/6), às 20h, no Teatro Bruno Kiefer da Casa de Cultura Mario Quintana

O espetáculo solo de teatro físico O Paradoxo da Queda estreia nesta sexta (28/6), às 20h, no Teatro Bruno Kiefer da Casa de Cultura Mario Quintana. A atração integra as linguagens das artes cênicas – teatro, dança e circo – em um elogio à queda. A interpretação é de Guilherme Conrad.

Segundo Conrad, para concretizar o salto precisamos da queda.

– Entre quedas e saltos, em metáfora com a roda da vida, reflete sobre o simples existir do ser humano em seu constante movimento – conta.

A proposta, inédita nos palcos do Rio Grande do Sul, traz a figura do trampolim acrobático como norteador da poética do espetáculo. Em cenas independentes, reflete formas de transformar as nossas quedas em impulsos de resistência à gravidade ou tudo aquilo que nos coloca para baixo.

Teatro físico é um conceito teatral que descreve um trabalho onde o eixo central é a fisicidade do artista cênico em primeiro plano no resultado estético final de uma performance. Normalmente os grupos que se definem como teatro físico trabalham com texto falado em uma dramaturgia linear ou não, mas com o suporte de outras linguagens como mímica, dança/teatro, acrobacia solo e aérea, entre outras.

Ingressos no local.

Sex sab e dom às 20h

Casa de Cultura Mario Quintana (Rua dos Andradas, 736)

R$ 20 (50% estudantes, classe artística e +60)