Foto: The Elders/Divulgação

13

MAI
HORÁRIOS Segunda 19h45min

Graça Machel abre o Fronteiras do Pensamento 2019

Figura importante na recuperação de Moçambique após o ciclone Idai, a política e ativista realiza conferência nesta segunda-feira (13/5), às 19h45min, no Salão de Atos da UFRGS

Política e ativista pelos direitos humanos, Graça Machel, viúva de Nelson Mandela, espelha-se na própria trajetória para mudar outras vidas no continente africano. Machel, que, há décadas, defende ações em favor da educação de crianças e do empreendedorismo feminino, abre o Fronteiras do Pensamento 2019, na segunda (13/5), às 19h45min, no Salão de Atos da UFRGS.

Nascida em Moçambique em 1945, em uma aldeia pobre a 260 quilômetros da capital Maputo, Machel cursou filologia em Lisboa nos anos 1960, com bolsa de estudos. Voltou para o próprio país disposta a ajudá-lo a se tornar independente das relações com Portugal.

Foi professora e lutou, na década de 1970, com a Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo) durante a Luta Armada da Libertação Nacional. Em 1976, casou-se com o líder revolucionário Samora Machel, que se tornaria o primeiro presidente de Moçambique. 

Primeira-dama, Machel atuou como ministra da Educação e Cultura no governo durante 14 anos (1975 – 1989).

A moçambicana milita em territórios pobres, carentes de investimentos e de atenção aos direitos das pessoas. Considerada uma das mais importantes ativistas africanas, tem como uma de suas bandeiras o fim dos casamentos prematuros, em que meninas, às vezes ainda durante a infância, são submetidas a matrimônios forçados. Na luta por igualdade de gênero, ela também cita as diferenças salariais entre homens e mulheres que ocupam os mesmos cargos e os casos de agressões e assassinatos de mulheres, crimes cometidos por maridos, namorados, companheiros.

Após a morte do marido, em 1986, em um acidente de avião, Machel seguiu com a atividade política e fundou a organização sem fins lucrativos Fundação para o Desenvolvimento da Comunidade. Em 1990, foi nomeada pela Organização das Nações Unidas (ONU) para o Estudo do Impacto dos Conflitos Armados na Infância. Pelo trabalho, recebeu, em 1995, a Medalha Nansen da ONU. Acumula outras distinções, como o Prêmio Kora Lifetime Achievement, o World Prize for Integrated Development e a WHO Gold Medal, mais alta honraria da Organização Mundial de Saúde (OMS). Em 1998, casou-se com o então presidente da África do Sul, Nelson Mandela.

Defensora da valorização das comunidades, em 2010, fundou a Graça Machel Trust, organização que ajuda mulheres empreendedoras no continente africano. O trabalho tem como foco garantir a autonomia feminina. A moçambicana atua, ainda, no The Elders, criado por Mandela em 2007 e integrado por líderes globais independentes que trabalham pela paz e pelos direitos humanos. A moçambicana é vice-presidente do The Elders.

Em 2019, foi uma representante ativa pela recuperação de Moçambique após a passagem do ciclone Idai, que causou fortes ventos e inundações. Machel mobilizou as organizações internacionais para obter ajuda financeira e prestar assistência para os desabrigados.  

Os últimos pacotes de ingressos podem ser adquiridos online. Informações na Central de Relacionamento Fronteiras 4020.2050 e no site

Segunda 19h45min

Salão de Atos da UFRGS (Avenida Paulo Gama, 110)

R$ 1880 (pacote) ou R$ 940 (meia entrada)

agenda

13

MAI
Antonio Barros fala sobre o escritor Roberto Bolaño
Na segunda-feira (13/5), o Instituto Ling realiza mais um encontro do programa Clube de Leitura, que abordará o livro "2666", considerado a obra máxima do autor chileno
Literatura
Clube de Leitura Instituto Ling Antonio Barros Roberto Bolaño 2666
Fronteiras do Pensamento trará Paul Auster, Werner Herzog, Denis Mukwege e Roger Scruton
Com o tema "Sentidos da Vida", ciclo de conferências terá início em 13 de maio, em Porto Alegre, com a presença da política e ativista pelos direitos humanos moçambicana Graça Machel
Cultura
Fronteiras do Pensamento Contardo Calligaris Denis Mukwege Graça Machel Janna Levin Luc Ferry Paul Auster Roger Scruton Werner Herzog
agenda

11

MAI
Lau Patrón na Feira Literária de Taquara
A escritora participa do evento neste sábado (11/5), a partir das 14h30min, ao lado da psicopedagoga Adriana Koch
Literatura
Lau Patrón Adriana Koch Feira Literária de Taquara